Tribos do Cariri: um convite ao diálogo

Por Joelmir Pinho

“O Cariri cearense é um dos berços do processo civilizatório sertanejo; é o grande caldeirão das culturas e etnias do Nordeste. Esse processo civilizatório, que se moveu sobre destroços e ossadas gerou uma cultura original que deita raízes nas principais vertentes das culturas ocidentais, notadamente das culturas tapuia, européias (ibéricas e mediterrâneas), norte africanas e afro-brasileiras. A grande riqueza e a grande contribuição do Cariri ao Brasil e ao mundo, não acontece através da cultura letrada e erudita, nem mesmo através do vigor da sua economia ou da sua importância política regional. O ouro dessa região é a cultura popular ou, como preferem os politicamente corretos, as culturas populares que possibilitaram um verdadeiro renascimento artístico – síntese e ensaio de uma brasilidade herdeira do mundo. A cultura cabocla-cariri, nascida da violência e do caos colonial, com seus heróis e suas artes de mil faces, com seus arquétipos e mitos, com sua orgia de forma e de cores, é uma cultura que ensaia uma nação brasileira mestiça e profunda. A cultura cabocla-cariri é, sobretudo, uma cultura generosa, pois nascida da violência e da exclusão se fez encontro e reciprocidade; crescida no múltiplo se fez síntese e, novamente, se afirmou na diversidade.” ¹

Berço do poeta Patativa do Assaré, dentre tantos outros ícones da cultura regional, o Cariri cearense, formado por 28 municípios, destaca-se no cenário nacional pela sua riqueza cultural, especialmente a de origem popular. Não raro podemos encontrar nas feiras, nas praças, nas ruas e em outros espaços públicos dos municípios do Cariri, grupos e artistas populares que, independente da ação do poder público, fazem chegar às populações locais e aos visitantes, manifestações artístico-culturais diversas, revelando o jeito ser e de viver dos herdeiros das tribos Kariris.

Em meio a essa efervescência cultural, os últimos anos têm sido marcados pelo surgimento ou crescimento de vários movimentos culturais diferentes daqueles tipicamente regionais, especialmente nos municípios que integram a Região Metropolitana do Cariri, que ganham força a cada dia e revelam a amplitude da diversidade cultural caririense.

Com origens ou influências as mais diversas, esses “novos movimentos” estão presentes em vários espaços públicos e em eventos do Cariri, muitas vezes ainda sob os olhares assustados ou surpresos de várias pessoas. O próprio poder público ainda não conseguiu reconhecer a força e a importância dessas “formas diferentes” de expressão cultural.

Nesse contexto, faz-se necessário e urgente promover o diálogo sobre os diversos movimentos culturais presentes no Cariri cearense (tradicionais e novos), permitindo aos interessados uma maior e melhor compreensão da história, da filosofia, da forma de organização e de outros aspectos relacionados a cada um desses movimentos.

É essa a intenção do projeto Todas as Tribos, da Escola de Poticas Públicas e Cidadania Ativa (EPUCA), atualmente em fase de mobilização de recursos e parcerias. Acredito mesmo que esse diálogo, feito de forma organizada e continuada, possibilitará a superação de preconceitos e o reconhecimento da importância da diversidade e da pluralidade que fazem o cenário cultural caririense do Século XXI. E mais: a iniciativa poderá contribuir também para o diálogo intercultural e o surgimento ou fortalecimento de redes de partilha e articulação entre esses diversos movimentos. Fica aqui o convite com jeito de provocação.

[1] Cariri, a nação das utopias. Trecho de artigo do cineasta e pesquisador Rosemberg Cariry, publicado originalmente no Jornal DIÁRIO DO NORDESTE, em 30/11/2008 (Caderno 3)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s